Como Posso Saber Se Sou Filho de Deus?

O texto a seguir é uma transcrição editada de um áudio.

Existem duas maneiras pelas quais o Espírito Santo atua, através do seu testemunho, para te garantir que estás realmente salvo.

1. Ele guia-te. No contexto, vimos o que é esta liderança: é conduzir-te para que odeies o pecado e para que traves uma batalha contra ele. “Eu odeio-o. Estou a matá-lo. Sou um assassino. Eu odeio o meu pecado acima de qualquer pessoa e acima de qualquer outra coisa.”

Será mesmo isso? Odeias o teu pecado mais do que odeias o diabo? O teu pecado é um problema bem maior do que o diabo. O diabo não pode levar-te para o inferno. O teu pecado pode. O teu pecado é o maior problema do mundo. Odeia-lo? Entras em guerra contra ele? Se o fizeres, o Espírito Santo estará bem atento a testemunhar: “Tu és meu!” Sim, porque todo aquele que é guiado pelo Espírito Santo é filho de Deus.

2. Será que tu, tal como um bebé, indefeso, sem segundas intenções, dizes, “Abba, Pai, preciso de ti”? Penso ser isso o que está implícito.

Acho que foi por isso que Paulo disse “Abba“. Por que terá ele dito “Abba” e não apenas “Pai”? Por que não terá ele dito apenas, “Todo aquele que disser “Pai” está a experienciar o testemunho do Espírito Santo”? Porque ele estava a tentar dizer, não, não, o verdadeiro testemunho do Espírito Santo é a obra no coração de uma criança. “Se não vos converterdes e não vos fizerdes como meninos, de modo algum entrareis no reino dos céus” (Mateus 18:3).

Ele interiorizou em ti uma infantilidade – pequenina, desesperada, indefesa, “Preciso de ajuda. Não sou ninguém. Não consigo salvar-me. Preciso de ter um papá. Não consigo viver sem ajuda.” Esta é a voz do Espírito Santo. Não é a voz de um computador a dizer, “Abba, Pai.” É a sua súplica real, infantil e feliz, ao Pai.

Se odeias o teu pecado e vais condená-lo à morte, e se és uma criancinha de coração partido suplicando ao Pai, então, és um Cristão! Tu sabes que é verdade porque o Espírito Santo continua a operar em ti todas essas coisas.

By John Piper. © Desiring God Website: www.desiringgod.org. Copied from Gospel Translations

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *